Conheça Sâmia Gribl, a nova promessa da cena techno de São Paulo

A jovem DJane foi a primeira artista da América Latina a disponibilizar o Podcast Special for WormHole para a agência alemã Lose Control

Sempre comprometida em trazer informações sobre a vida, o trabalho e o estilo de DJanes talentosas e competentes, a DJane Mag Brasil tem o prazer de contar para vocês detalhes da carreira – curta, porém promissora – da Sâmia Gribl. A artista vem realizando apresentações marcantes e tem demonstrado nos palcos o que adoramos divulgar: o poder das mulheres na música eletrônica.

Em apenas um ano, Sâmia conquistou grande espaço na cena eletrônica em São Paulo. Transmitindo toda sua energia, alegria e fascínio pelo universo da música para o público, a jovem já tocou em grandes festas, como Ludic Life, A Liga & Base, TropicalTech e Booa Sunset, além de clubs renomados como The Year e Club 33.

Atualmente, é residente da Spot, uma das grandes labels de techno da atualidade em São Paulo. A pista da Spot tem balançado com as apresentações da DJ. Sâmia é facilmente reconhecida pelo seu estilo ímpar, transitando pelo techno e por grooves marcantes. Numa busca constante por conhecimento musical, sua identidade está presente em todos seus sets, agradando os mais diversos públicos. Com forte presença e carisma, Sâmia espalha, a cada apresentação, muita vibe positiva nas pistas.

Divulgação internacional

Em meados de Dezembro, Sâmia foi a primeira artista da América Latina a disponibilizar o Podcast Special for WormHole para a agência europeia Lose Control. Para quem não sabe, a Lose Control nasceu, em 2019, como uma empresa de eventos alemã. Devido à pandemia do novo coronavírus, a marca se reinventou e passou a divulgar DJs e produtores ligados à cena do Techno. Atualmente, estão com relações estabelecidas em diversos países como Polônia, Inglaterra, França, e contam, ainda, com representantes nos Estados Unidos e agora também na América Latina.

Além de colaborar com o podcast, Sâmia é correspondente da agência no Brasil, e tem a missão de divulgar DJs brasileiros. Uma tarefa e tanto, como bem sabemos! “Foi uma honra ser a primeira artista latina a participar. Inclusive, um spoiler: essa parceria virá forte e terá uma grande importância na visibilidade do Techno brasileiro. O intuito é estreitar cada vez mais a distância com a Europa”, ressalta.

Destaque feminino na cena

Em meio a tantos shows marcantes, a artista também se apresentou na 2ª edição da Mov.E Wonder, que promove um espaço para DJs e produtoras mostrarem que o lugar da mulher é onde ela quiser – principalmente nas pick-ups. No Espaço Modular, o lineup da pista principal foi 100% feminino e contou com ícones do Techno. Relembre aqui os detalhes da festa na reportagem da DJane Mag Brasil publicada em janeiro de 2020.

Sâmia Gribl – Foto Instagram.

“Foi uma grande honra tocar na Mov.e Wonder, poder fazer parte de um evento histórico e dividir o palco com grandes nomes da cena eletrônica feminina! E agora poder ver o retorno do público é inexplicável!”, conta animada.

De DJ a empresária

Acostumada com multitarefas, Sâmia não para e se divide entre suas funções de DJ, produtora e empresária. A jovem artista também é sócia de uma empresa de eventos e sócio-proprietária de uma empresa de Marketing Digital.

Desafios da carreira

Sâmia conta as maiores dificuldades que os novos DJs e produtores se deparam no dia a dia. “Hoje, os maiores desafios são expor nosso trabalho, ter reconhecimento e conseguir gigs para tocar com frequência. A questão de sempre serem os mesmos DJs nas lines de festas grandes acabam não dando oportunidade para centenas de outras artistas que estão trabalhando e se dedicando arduamente”, afirma.

- Publicidade -

Entretenimento seguro com distanciamento social

Aos poucos o mundo da música eletrônica vai se adaptando e buscando formas diferenciadas e seguras de proporcionar atividades de divertimento e lazer sem abrir mão do distanciamento social. É o caso de algumas festas que contam com a presença da Sâmia. A jovem cumpre a promessa de trazer toda a personalidade e clima de suas apresentações habituais para o novo formato.

“É preciso ressaltar o comprometimento das equipes em seguir os protocolos de segurança contra a covid-19. Graças ao trabalho comprometido, foi possível matar um pouco da saudade que estava de tocar. Fiquei distante do público, porém pudemos curtir juntos, e muito!”, destaca.

Ouça abaixo o Podcast Special for WormHole de Sâmia Gribl.

1 COMENTÁRIO

  1. Uma DJane que manda bem no som, com beats hipnóticos excelentes, uma verdadeira Jinjer do universo techno.

Comentários

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui