Márcio Garcia defende irmão DJ após polêmica por ele tocar em Réveillon para 400 pessoas

O DJ Marcello Machado, irmão do apresentador Márcio Garcia, virou assunto nas redes sociais após fazer um post no Facebook dizendo que está organizando uma festa para 400 pessoas no Réveillon

ENTENDA A POLÊMICA

A polêmica teve início depois que Marcello Machado postou a seguinte mensagem na rede social. “Quem tá animado pra curtir o Réveillon, aí? Estou preparando uma festa para 400 pessoas, no máximo, em um espaço aberto que tem mais de 3 mil metros quadrados, de frente pro canal. O local será a Bella Marina”, avisou o DJ em sua conta no Facebook.

Marcello Machado anuncia festa para 400 pessoas Imagem: Reprodução/Facebook

Segundo Marcello, o evento terá entrada mais consumação mínima de R$ 200 por pessoas. “Como estou assinando a produção da festa, quem me conhece já sabe o quanto sou perfeccionista. Não haverá venda de ingressos, pois queremos que a festa seja um sucesso, como festa… com todos se divertindo e aproveitando ao máximo, por isso, decidimos transformar o valor que seria de entrada em consumação mínima de R$ 200,00 por pessoa, que cada um gasta com o que quiser. E ai gostaram do formato? Por enquanto os DJs confirmados são: Eu e meu amigo Roger Lyra”, completou.

“Meu irmão não organiza nada. Ele toca e faz os flyers, é DJ e tem um filho de dez meses que sofreu uma cirurgia há pouco tempo e está cheio de conta para pagar, está sem tocar há séculos e precisa tocar. Claro que nem vou nessa festa, não concordo com festa nessa época do ano, mas entendo o lado dele. Porque ele não está organizando nada. Se ele escreveu que está, ele escreveu errado. Ele nunca fez festa, o que ele faz é tocar e fazer programação visual porque ele é formado nisso. Então ele faz a divulgação, os flyers. Mas festa ele nunca fez porque ele não é promotor de festa”, disse o apresentador à revista “Quem”.

Vale lembrar que o pai de Marcio e Marcelo, Carlos Alberto Machado, está internado com Covid-19 desde o dia 16 de novembro.

Não demorou muito e alguns seguidores começaram a criticar Marcello. “Com direito a contaminação de covid grátis”, ironizou uma pessoa. “Três mil metros quadrados para 300 pessoas… mais fácil pegar no BRT, metrô, supermercado. Nem comento sua colocação”, argumentou Marcello.

Outro seguidor chegou a citar o pai de Marcello. “É cômico ver uma publicação dessas. O pai internado com Covid. O irmão, Marcio Garcia, fica pedindo orações para o pai. E a insanidade do irmão falando mais alto, promovendo festas. Sinal que o amor pelo pai, por ele mesmo e pelos outros não existe”, esbravejou a pessoa.

- Publicidade -

O apresentador Márcio Garcia conversou com Quem nesta sexta-feira (11) sobre a polêmica que seu irmão, o DJ Marcello Machado, causou nas redes sociais nesta quinta-feira (10) ao anunciar que promoverá uma festa de Réveillon para cerca de 400 pessoas no Rio, em meio à pandemia da Covid-19 – e com o pai, Carlos Alberto Machado, de 77 anos, internado por complicações da doença.

Fonte: Quem.

Foto da capa por Marco Macedo.