Livro Todo DJ Já Sambou | Cláudia Assef

Osvaldo Pereira e Sônia Abreu, os primeiros Djs do Brasil, com Cláudia Assef, escritora do livro “Todo DJ já sambou” (>>>>foto por: Museu do DJ)

Osvaldo Pereira e Sônia Abreu, os primeiros Djs do Brasil, com Cláudia Assef, escritora do livro “Todo DJ já sambou” (>>>>foto por: Museu do DJ)

Na cena eletrônica e no mundo dos DJs, muita coisa também mudou nesses quase 15 anos. Na capa da primeira edição do livro, quem aparece é o Mau Mau, na histórica foto de Fabio Mergulhão que mostra o DJ tocando, já de manhã, no saudoso festival Skol Beats. Em 2017, o DJ mais conhecido do Brasil é o goiano Alok, que tem centenas de milhares de seguidores nas redes sociais e músicas estouradas das FMs aos streamings do mundo todo. Não à toa foi escolhido pra ilustrar uma das quatro diferentes capas deste livro.

- Publicidade -

Esta nova edição do Todo DJ Já Sambou vem expandida e atualizada em várias frentes: tem Alok e Vintage Culture, outro blockbuster atual das pistas brasileiras; retrata a conquista de espaço das mulheres na discotecagem, com nomes como ANNA, que ocupa uma das capas; explica o novo e forte eixo das festas independentes de São Paulo, como Mamba Negra e Capslock; e conta sobre a reverberação da bass music, que colocou o DJ Zegon e seu projeto Tropkillaz como nomes internacionais.

Este livro continua tão necessário como há 15 anos. Um dos principais motivos é que a gente sempre precisa lembrar de onde veio tudo isso. Se hoje existe um Alok ou um L_cio é porque antes existiram o Mau Mau, o Marky (outro DJ que brilha numa das capas), o DJ Hum, o Ricardo Guedes, a Sonia Abreu, o Gregão e o seu Osvaldo Pereira (o primeiro DJ do Brasil, personagem revelado na primeira edição do TDJS e agora colocado, merecidamente, numa de suas capas). E ainda tem o viés educacional da obra. Literalmente: o livro é adotado como material didático em diversos cursos de DJ e produção de música eletrônica pelo Brasil.

Com escrita deliciosa, Todo DJ Já Sambou voltou para comprovar que História também se constrói com BPMs. Capriche na trilha e boa leitura.

Camilo Rocha, DJ, jornalista e pesquisador musical

Saiba como adquirir o seu clicando aqui