Artistas organizam protestos mundiais contra o Spotify

Foto Reprodução/Twitter

A empresa de serviços de música digital, conhecida como Spotify, é uma das maiores plataformas de streaming do mundo. Ouvir CDs tornou-se antiquado à medida que o mundo começou a digitalizar tão rapidamente. O lado técnico melhorou muito, mas não é o caso do lado comercial. Vez após vez, o Spotify foi criticado pelos baixos pagamentos que oferece aos artistas. No entanto, desta vez, artistas de todo o mundo deram um passo à frente e protestos estão sendo realizados para que as pessoas expressem suas opiniões contra o Spotify.

A soma real de dinheiro que um artista recebe depende de vários fatores, como país, tipo de assinatura e o acordo que sua gravadora pode ter com o Spotify em si. Geralmente, o Spotify paga entre US $ 0,003 e US $ 0,005 (cerca de 16 e 27 centavos) por transmissão. Portanto, se você tiver 250 streams em uma música, receberá um dólar (cerca de R$ 5,38 reais na cotação do dia 20/03/2021), e se tiver 1 milhão de streams, receberá 4.000 dólares (cerca de R$ 22 mil reais na cotação do dia 20/03/2021). Mas isso não é só para o artista. O montante total de dinheiro ganho pelo número de streams será pago a todos os detentores de direitos. Isso significa que o proprietário da gravação master (gravadora, artista independente), compositor(es), editores e muitos outros receberão uma parte do pagamento total. Este método de pagamento só é justo e lucrativo ao gerar um grande número de streams, como para artistas como Justin Bieber, Billie Eilish e David Guetta.

Em 15 de março ocorreram protestos em todo o mundo nos escritórios do Spotify, organizados pela UMAW (Union of Musicians and Allied Music Workers). As manifestações ocorreram em 31 cidades em 5 continentes (Austrália, Ásia, Europa, América Central e América do Sul) por causa dos maus-tratos aos músicos. Durante a pandemia mundial, o Spotify triplicou de valor e não aumentou suas taxas de pagamento. Spotify não fez nada sobre a clareza de seus pagamentos, mas está definido para expandir em 80 novos mercados (incluindo Nigéria, Bangladesh, Paquistão e muitos mais).

UMAW diz o seguinte:

“O Spotify atualmente paga cerca de US $ 0,0038 por transmissão – uma das taxas mais baixas de qualquer empresa de streaming – opera inteiramente a portas fechadas e processou compositores para reduzir as taxas de royalties.”

- Publicidade -

[ Via We Rave You ]

Comentários

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui