“SAVE OUR SCENE”: Milhares de pessoas marcham em Londres para o protesto contra o fechamento de clubs

Multidões protestam em Londres (Foto: Getty)

Multidões dançaram em protesto contra as atuais restrições que impedem os clubs de abrirem suas portas

Dezenas de milhares estiveram nas ruas do centro de Londres no fim de semana para protestar contra a percepção da falta de apoio para a indústria da música ao vivo durante a pandemia.

Enormes multidões bloquearam a Regent Street para a marcha Freedom To Dance organizada pelo movimento Save Our Scene, para protestar contra as restrições em curso que estão impedindo casas noturnas e locais de música ao vivo de abrir suas portas.

As filmagens do evento abaixo mostram caminhões com DJs tocando ao vivo para multidões que foram vistas dançando na rua sem máscaras, apesar do aumento de casos ligados à variante Delta.

“Apoio incrível hoje para Save Our Scene “Freedom To Dance” apoiado por #letusdance – Por favor, compartilhe e apoie e se estiver presente, esteja seguro e lembre-se que estamos marchando em resposta ao Governo marginalizando nossa Indústria!@saveoursceneuk, tradução DJane Mag Staff.

Conforme relata a Reuters, um DJ disse à multidão que o evento era “tudo para celebrar a música”.

Mas as estatísticas do governo também revelaram que outras 18.270 pessoas testaram positivo para o vírus em todo o Reino Unido no sábado, o maior número diário desde 5 de fevereiro.

O perfil do Twitter The Rave Network abaixo diz: “Cenas em Londres agora.#SaveOurScene

O perfil do Twitter Earwaxx abaixo diz: “Hoje foi uma loucura #SaveOurScene

O evento também foi apoiado por organizações, incluindo a Night Times Industries Association, que disseram estar marchando “em resposta à marginalização de nossa indústria pelo governo”.

A indústria da vida noturna ainda pode receber um impulso positivo quando o novo secretário de Saúde, Sajid Javid, atualizar os parlamentares ainda hoje, quando as medidas da Covid forem suspensas na Inglaterra.

Javid disse que deseja ver o fim das restrições o mais rápido possível, mas qualquer flexibilização seria “irreversível”.

Boris Johnson também disse que as medidas restantes serão atenuadas em 19 de julho, mas prometeu encomendar uma revisão de dados para ver se isso pode ocorrer duas semanas antes. Os resultados são esperados para chegar ainda hoje.

O governo havia planejado inicialmente suspender todos os limites legais ao contato social em 21 de junho, mas isso foi adiado devido à preocupação com a disseminação da nova variante Delta.

[Via NME]

Especialista em marketing e CEO da DJane Mag UK, a brasileira baseada em Londres, DJ Kerol Garcia, teve sua influência musical de seu pai, um DJ dos anos 80, que acabou inspirando-a a buscar uma carreira na música. Armada com uma paixão e amor pela música, um desejo de causar impacto na indústria musical, amor por viagens e objetivo de criar conexões com as pessoas através da música, Kerol mudou-se para Londres em 2006.

Comentários

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui