DJ, cantora e produtora SOPHIE, morre aos 34 anos – o mundo da música presta homenagem

A artista faleceu em Atenas após um acidente repentino. A confirmação da morte de SOPHIE foi dada por meio de comunicado feito pela assessoria da artista na manhã deste sábado (30). SOPHIE foi a primeira artista trans indicada ao Grammy.

“É com profunda tristeza que devo informar que a musicista e produtora SOPHIE faleceu esta manhã por volta das 4 da manhã em Atenas, onde a artista vivia, após um acidente repentino”, diz o comunicado.

“Neste momento, o respeito e a privacidade da família são a nossa prioridade. Também pediríamos respeito por sua base de fãs e tratar a natureza privada desta notícia com sensibilidade.”

“SOPHIE foi pioneira em um novo som, uma das artistas mais influentes da última década. Não apenas pela produção engenhosa e criatividade, mas também pela mensagem e visibilidade que foi alcançada. Um ícone de libertação.”

Em uma declaração separada, a família de SOPHIE revelou a causa de sua morte, escrevendo: “Tragicamente, nossa linda SOPHIE faleceu esta manhã após um terrível acidente. Fiel à sua espiritualidade, ela escalou para ver a lua cheia e acidentalmente escorregou e caiu. Ela sempre estará aqui conosco.

“A família agradece a todos por seu amor e apoio e pede privacidade neste momento devastador.”

Homenagens estão sendo compartilhadas online após a morte de SOPHIE. “Sophie foi uma produtora estelar, uma visionária, uma referência,” Christine and the Queens tuitou em tributo.

“Ela se rebelou contra a sociedade estreita e normativa por ser um triunfo absoluto, tanto como artista quanto como mulher. Eu não posso acreditar que ela se foi.

- Publicidade -

“Precisamos honrar e respeitar sua memória e legado. Valorize os pioneiros.”

Sam Smith acrescentou: “O mundo perdeu um anjo. Uma verdadeira visionária e ícone da nossa geração. Sua luz continuará a inspirar muitas gerações. Pensando na família e amigos de Sophie neste momento difícil.”

A ativista Munroe Bergdorf também prestou homenagem a SOPHIE, escrevendo: “Nossa comunidade perdeu um ícone, uma pioneira e uma luz brilhante visionária. Com o coração partido. SOPHIE, você fará falta.

“Obrigado por compartilhar seu talento conosco. Espero que possamos nos encontrar novamente um dia. Descanse em paz, irmã.”

Shygirl, que compartilhou sua nova faixa ‘SLIME’ produzida pela SOPHIE em outubro passado, acrescentou: “diga às pessoas que você as ama enquanto puder”.

A gravadora de Berlim PAN também prestou homenagem, escrevendo: “Descanse no poder, ser humano incrível”, enquanto o guitarrista do Mogwai Stuart Braithwaite saudou SOPHIE como um “grande talento” e que a morte foi “uma notícia terrivelmente triste”.

“Obrigado pelas criações que você nos deixou neste mundo,” Kelly Lee Owens acrescentou.

Nascida em Glasgow, SOPHIE lançou vários singles e projetos em gravadoras como a Numbers na década de 2010. O álbum de estreia da artista, ‘OIL OF EVERY PEARL’S UN-INSIDES’, foi lançado pela Transgressive em 2018 e posteriormente nomeado para Melhor Álbum Eletrônico/Dance no Grammy 2019.

SOPHIE também foi uma parte proeminente do selo PC Music, e trabalhou em música com Madonna, Lady Gaga, Charli XCX, Vince Staples, Kim Petras, Arca e muitos mais.

No verão passado, SOPHIE estreou novas músicas em um show transmitido ao vivo, contribuiu para a trilha sonora de Cyberpunk 2077 e lançou um novo projeto chamado Analemma com Juliana Huxtable.

Fonte: NME.

Comentários

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui